O TESTAMENTO DE MARIA

O Testamento de Maria faz temporada no Teatro Aliança Francesa até dia 30 de novembro

  

Link para fotos de O Testamento de Maria – crédito João caldas F°


O Testamento de Maria,
com direção e adaptação de Ron Daniels, é inspirado no livro homônimo do escritor irlandês ColmTóibin, que também escreveu o bestseller “Brooklyn”, cuja adaptação para cinema foi indicada ao Oscar 2016 em três categorias.

A montagem revela como Maria, a mãe de Jesus Cristo, procura desvendar os mistérios ao redor da crucificação de seu filho. Perseguida e exilada, ela narra a sua trajetória e todo o seu sofrimento com uma voz carregada de ternura, ironia e raiva. Maria se propõe a falar apenas a verdade sobre a enorme crueldade dos romanos e anciãos judeus.

A ideia da encenação é destacar não apenas a importância religiosa de Maria, mas revelá-la como uma figura de enorme estatura moral. “Estava alerta, também, ao fato de vermos Maria como ícone, como mãe, mas nunca como uma mulher que sabe se colocar e que precisa ser ouvida. Para dar-lhe uma voz, olhei para os textos gregos, para as imagens de uma mulher solitária e corajosa, pronta para dizer palavras que são difíceis de ouvir”, esclarece ColmTóibin.

A montagem rendeu à Denise Weinberg o prêmio APCA 2016 (Associação Paulista de Críticos de Arte), na categoria de melhor atriz. “O ponto de partida do nosso espetáculo também é este: uma atriz maravilhosa, que é a Denise, um texto de grande profundidade, e um espetáculo puro, belo e despojado, que possa oferecer à plateia momentos de grande humanidade”, diz Ron Daniels.

Em cena, a atriz é acompanhada apenas pelo músico Gregory Slivar, que assina e executa a trilha sonora ao vivo. O espetáculo foi produzido originalmente na Broadway, por Scott RudinProductions e desenvolvido pelo Dublin Theatre Festival e LandmarkProductions, com o apoio do IrishTheatreTrust.

 


O TESTAMENTO DE MARIA

O escritor ColmTóibin imagina como Maria, perseguida no fim de sua vida e no exílio, procura desvendar os mistérios que cercaram a crucificação de Jesus Cristo. Maria faz questão de falar somente a verdade. Ela encara não só a imensa crueldade dos romanos e dos anciãos judeus, e a estranha e inexplicável exaltação dos discípulos do seu filho, como também as suas próprias angústias e hesitações. Deste modo, além de mãe, de símbolo religioso e de figura histórica, Maria se revela uma figura de enorme estatura moral, uma verdadeira e inesquecível mulher.

FICHA TÉCNICA

Texto:Colm Tóibin Tradução: Marcos Daud e Ron Daniels Concepção, adaptação e direção: Ron Daniels Cenografia: Ulisses Cohn Figurino: Anne Cerutti Música originalmente composta e execução ao vivo: Gregory Slivar Iluminação: Fábio Retti Diretor Assistente: Pedro Granato Fotografia: João Caldas Operação de luz: Claudio Cabral Assessoria de imprensa: Pombo Correio

SERVIÇO – O TESTAMENTO DE MARIA

Teatro Aliança Francesa - Rua General Jardim, 182, Vila Buarque

Temporada: de 27 de setembro a 30 de novembro

Às quartas e quintas-feiras, às 20h30

Ingressos: R$50 (inteira) e R$25 (meia-entrada), com venda na bilheteria duas horas antes do espetáculo ou pelo site Ingresso Rápido

Duração: 60 minutos

Classificação: 16 anos

Gênero: Drama

Lotação: 230 lugares + 4 lugares para pessoas com deficiências

Informações: (11) 3572-2379